Sobre tudo um pouco

Ao contrário do sentimento generalizado de desolação, tenho a teimosia em achar que estamos evoluindo. Apesar dos meninos boiando no Mediterrâneo, apesar dos “gun shooters” norte-americanos, apesar da crise política do Brasil, apesar do caos sangrento do Oriente Médio, apesar da xenofobia europeia e da miséria africana. Sim, gosto de história, e afirmo: a humanidade já viveu dias piores.

A arte em tempos de guerra – Shirin Neshat

Estamos regredindo e isso me assusta! Evidente que a lambança política e o populismo barato, grandes responsáveis por toda a situação caótica que se vive no Brasil, também me enoja e me causa indignação. Contudo, essa indignação não pode ser maior do que a nossa humanidade.

A maternidade em terras estrangeiras

Ainda sim, foi apavorante! Levei ela até lá e senti a sua mãozinha gelada de medo, assim como seus olhos vermelhos. Quando ela desceu do carro, sozinha e carregando todo o material para o primeiro dia, no meio de uma infinidade de adolescentes e rostos desconhecidos, foi difícil eu não chorar!